Últimas Notícias

Post Top Ad

Your Ad Spot

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Hospital Couto Maia será referência na Bahia em caso de suspeitas de ebola, diz Sesab

Hospital Couto Maia será referência na Bahia em caso de suspeitas de ebola, diz Sesab

Foto: Reprodução
Mesmo que até agora o caso suspeito de ebola no Brasil tenha sido descartado – o do guineano que já recebeu alta – e tenha mobilizado o Ministério da Saúde, na Bahia, a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) diz estar preparada para enfrentar casos de contaminação pelo vírus. De acordo com o coordenador estadual de emergência e saúde pública da pasta, Juarez Dias, foi montada uma equipe específica no hospital Couto Maia (no bairro de Mont Serrat, em Salvador) para receber possíveis pacientes. O Couto Maia é referência no estado para o tratamento de doenças infectocontagiosas. Segundo Diaz, a unidade tem capacitado médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem para uma necessidade. No treinamento, os profissionais são orientados sobre noções de como transportar materiais com risco de contaminação, manter o quadro geral do paciente, conter a transmissão e como utilizar os equipamentos específicos, como as roupas especiais utilizadas pelos agentes. Caso a Bahia tenha algum caso suspeito, o paciente deve ficar no hospital até que o quadro de saúde se estabilize. Informações do A Tarde.


O soldado Edson Santos da Silva, de 30 anos, que pertencia às Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam) do 46º Batalhão da Polícia Militar, morreu após levar um tiro que atingiu sua cabeça enquanto trabalhava na zona sul de São Paulo. Silva chegou a ser socorrido, mas não resistiu à gravidade do ferimento. Silva realizava patrulhamento com colegas na Rua José Pereira Cruz, na Vila Livieiro, na noite do sábado, 18, quando tentou abordar um suspeito. De acordo com a PM, o homem era suspeito de traficar drogas e fugiu deixando uma mochila no local. Enquanto os PMs vistoriavam a mochila, foram surpreendidos a tiros. O soldado foi ferido na nuca e foi levado ao Pronto Socorro do Hospital Heliópolis, mas morreu. O responsável pelo crime não foi identificado e fugiu do local. O soldado estava na PM há oito anos.


Tempestade Trudy deixa ao menos seis mortos no México
Foto: Reprodução
Seis pessoas morreram neste fim de semana na região de Guerrero, no Sul do México, por conta da tempestade tropical Trudy. O fenômeno levou à retirada de cerca de 2 mil pessoas das regiões montanhosas de Guerrero, nos municípios de Huamuxtitlan, Tlalixtaquilla e Malinaltepec. As chuvas provocaram deslizamento de terras no município de Tlacoachistlahuaca. O acidente provocou a morte, neste domingo (19), de um trabalhador de 23 anos, informou um responsável pela Defesa Civil. Duas crianças e uma mulher também morreram em outro deslizamento de terra em Ometepec, e uma pessoa também morreu por conta de um deslizamento em Cochoapa. As informações são da Agência Brasil. 


Presos mantém agentes reféns em presídio no Paraná
Foto: Reprodução
Presos em rebelião na Penitenciária Estadual de Maringá, norte do Paraná, mantém dois agentes penitenciários reféns desde o fim da tarde deste domingo (19). A polícia retomou as negociações com os detentos na manhã desta segunda (20). Conforme a Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (Seju), os detentos exigem transferência de 20 prisioneiros: 8 para a Região Metropolitana de Curitiba, 8 para Londrina e mais 4 para Foz do Iguaçu. A Polícia Militar (PM) e o Departamento de Execução Penal do Estado do Paraná (Depen) atuam nas negociações. Não há informações sobre feridos.

Número de leitos da rede pública diminui em 14,7 mil
Foto: Agência Brasil
Levantamento do Conselho Federal de Medicina (CFM) aponta redução de 14,7 mil leitos de internação na rede pública. O decréscimo é pouco menos de 5% do total nos últimos quatro anos. A queda atinge principalmente os leitos dedicados à pediatria cirúrgica, psiquiatria e obstetrícia cirúrgica. Para o conselho, a quantidade dos leitos deveria subir, porque além de agravar a superlotação nos hospitais, prejudica a realização de cirurgias e tratamentos. Já o Ministério da Saúde justifica que a redução de leitos segue uma tendência mundial. A pasta diz que o decréscimo é causado pelo aumento do uso da tecnologia, que economiza internações. O CFM comparou o período de julho de 2010 e julho deste ano, a partir de informações obtidas por meio do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES). Informações da Folha.
Debate esquenta com propina de Petrobras e fica ameno no final
Foto: Reprodução/Record
O caso de propina na Petrobras fez o debate entre Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) na TV Record ter troca de acusações neste domingo (19). Este é o penúltimo embate televisivo até o dia da eleição. O último será promovido pela TV Globo. Após Aécio provocar Dilma em relação à sua primeira declaração pública afirmando que houve desvios na Petrobras, Dilma contra-atacou utilizando como munição a notícia veiculada na última semana de que o ex-presidente do PSDB, Sérgio Guerra, teria recebido propina para impedir uma investigação sobre a estatal em uma CPI. O momento foi em que o clima mais esquentou no debate, para ser depois amenizado. Ao Dilma questionar se os tucanos já investigados eram inocentes ou tinha havido “precarização” por parte daqueles que conduziram as investigações, Aécio respondeu que “Se não é comprovada a acusação, a pessoa é inocentada”. O decorrer do embate ficou mais propositivo, onde foram discutidos assuntos ligados à economia e segurança pública. Os presidenciáveis voltaram, também, a reivindicar para os seus partidos a “paternidade” do Bolsa Família. O evento registrou prévia de 12 pontos de audiência, deixando a emissora em segundo lugar na faixa. A Globo, na liderança, ficou com 16 pontos.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot