Últimas Notícias

Post Top Ad

Your Ad Spot

segunda-feira, 20 de julho de 2015

Para barrar desgaste do governo, vereadores decidem por ‘recesso branco', acusa oposição

por Alexandre Galvão


Para barrar desgaste do governo, vereadores decidem por ‘recesso branco', acusa oposição
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
Com protestos dos agentes de saúde na Câmara Municipal de Salvador (CMS) – que reivindicam aumento salarial e estão em greve – vereadores de governo decidiram por uma espécie de “recesso branco” até que o problema seja resolvido. A acusação parte da bancada de oposição, mas é negada pelo líder do governo Joceval Rodrigues (PPS). “A prefeitura está, através do secretário Alexandre Pauperio, fazendo o diálogo com a categoria. Não tem nenhum constrangimento pra prefeitura”, despistou. Em ato falho, Rodrigues afirmou que vereadores de governo também defendem a categoria, “como Cláudio Tinoco, Ana Rita e Duda Sanches”. “Não, Duda é independente”, disse, ao tentar reparar o ato falho. Vice-líder da oposição, Everaldo Augusto (PCdoB) disse que suspender a sessão da CMS para evitar “constrangimentos ao prefeito e à prefeitura é praxe dos vereadores de governo. “Eles fazem isso direto, mas não sei se hoje foi por este motivo”, afirmou. A sessão da Casa desta segunda-feira (20) não aconteceu por falta de quórum. Ainda de acordo com vereadores, a sessão desta terça (21) dificilmente acontecerá, pois, na quarta (22), os edis pretendem colocar em pauta projetos de sua autoria e iniciar a discussão do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot