Últimas Notícias

Post Top Ad

Your Ad Spot

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Léo Pinheiro deve relatar em delação premiada favores feitos a Lula e sua família

Léo Pinheiro deve relatar em delação premiada favores feitos a Lula e sua família
Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados
O empresário Aldemário Pinheiro Filho, conhecido como Léo Pinheiro, deverá relatar, em uma possível delação premiada, os favores feitos ao ex-presidente Luiz Inácio Lula Da Silva e sua família. Nesta quinta-feira (20), o sócio da OAS adiantará detalhes em depoimento ao juiz federal Sergio Moro. A oitiva é no âmbito da ação que envolve a reforma de um tríplex em Guarujá (SP), que seria destinado ao ex-presidente. De acordo com a Folha, Léo Pinheiro negociou com procuradores fazer um relato detalhando a relação que tinha com o petista e seus familiares, o que indicaria que um futuro acordo de delação a ser fechado não dependeria apenas de informações sobre Lula. O desempenho do empreiteiro no depoimento é considerado fundamental, por ser vista como a última chance de ele ter o acordo fechado com a força-tarefa da Lava Jato. Pinheiro tenta celebrar a delação premiada, mas desde agosto do ano passado as tratativas foram suspensas pela Procuradoria-Geral da República após o vazamento de informações ligadas a obras na casas do ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal - não foram identificadas irregularidades, segundo a Folha. As conversas foram retomadas nos últimos meses, com a assinatura do acordo de delação da Odebrecht. Além de Lula, a OAS pode fornecer informações sobre corrupção em fundos de pensão. Outros executivos e acionistas da OAS podem ser incluídos no acordo, como Cesar Mata Pires e seu filho Antonio Carlos Mata Pires.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot