Últimas Notícias

Post Top Ad

Your Ad Spot

segunda-feira, 10 de maio de 2021

Artistas cobram impeachment de Bolsonaro por 'descaso e ineficiência' na pandemia


Artistas cobram impeachment de Bolsonaro por 'descaso e ineficiência' na pandemia
Foto: Alan Santos/PR

Um grupo formado por mais de 2,5 mil artistas promove uma petição pública (confira) para cobrar o impeachment do presidente Jair Bolsonaro, por causa da atuação do governo federal durante a pandemia do novo coronavírus, que já vitimou mais de 420 mil brasileiros. O lançamento oficial do manifesto será realizado em uma live, nesta segunda-feira (10), às 18h, no Youtube (clique aqui).

 

A campanha é assinada por nomes como os baianos Luis Miranda e Fabrício Boliveira, além de Anna Muylaert, Andrea Beltrão, Antônio Pitanga, Caco Ciocler, Camila Pitanga, Chico Buarque, Chico César, Cláudia Abreu, Denise Fraga, Débora Block, Dira Paes, Djamila Ribeiro, Edgard Scandurra, Elisa Lucinda, Emicida, Ivan Lins, Glória Menezes, Gregório Duvivier, Letícia Sabatella, Liniker, Marco Ricca, Matheus Nachtergaele, Marieta Severo, Mônica Iozzi, Otávio Muller, Paulo Betti, Renata Sorrah, Sônia Braga, Tarcísio Meira, Zeca Baleiro e Zezé Polessa. 

 

Intitulado “Artistas pelo Impeachment", o manifesto compara a crise sanitária vivida no país com outras tragédias como o naufrágio do Titanic e os ataques ao World Trade Center, e critica a passividade diante das mortes.  

 

“Atualmente assistimos, de maneira estranhamente naturalizada a um número maior de perdas diárias. Se pudessem ser enfileirados, os mortos pela COVID-19, apenas no Brasil, formariam um inacreditável corredor capaz de cobrir uma vez e meia a distância entre a Terra e a Lua. Estamos no epicentro mundial da Pandemia e seguimos em clara progressão. Os números do mês de abril ultrapassaram todas as métricas mundiais e a tendência é de piora no quadro. Todos os dias o país afunda, desaba, morre sufocado”, diz texto, segundo o qual o presidente é o responsável pela tragédia brasileira: “O comandante deste barco que naufraga, e segue em direção aos recifes, tem nome e sobrenome conhecidos: Jair Messias Bolsonaro”.

 

No protesto, que conta com mais de 8,8 mil assinaturas, os artistas destacam que o governo deixou de tomar medidas para reduzir o número de mortes e que, pelo contrário, seguiu a direção oposta disto. “O descaso e a negação das conquistas científicas continuam sendo incentivados. Com isto aumenta a cada dia o número de vidas humanas perdidas. Ou seja, vivemos sob a tutela de um governo criminoso que, por diligência engendrada e condução irracional da crise sanitária, causa um número de óbitos muito superior ao que seria o inevitável”, argumentam.


 
Diante do quadro, eles questionam o que o povo está esperando e apresentam o impeachment como “remédio” para “estancar esta mortandade de imediato”. Para os artistas, “o descaso e a ineficiência do governo no combate à pandemia são motivo mais do que suficientes para um pedido de impeachment”, mas eles apresentam outros fatos que  também deveriam ser levadas em consideração para o impedimento, a exemplo das “ações anti republicanas” de Bolsonaro.

 

“A democracia, hoje, não é uma abstração, é uma afirmação da cidadania e uma convocação à vida. O Congresso Nacional tem em seu poder mais de CEM PROCESSOS de impeachment aguardando apreciação. Nós convidamos a nação brasileira a um PLEITO ÚNICO, urgente e fundamental para que tenhamos a possibilidade de enxergar um futuro através da discussão pública e ampla do processo de impugnação do atual mandato da presidência da república”, diz a petição, que cobra a discussão imediata do impeachment pelos deputados.

 

“Não podemos mais assistir impassíveis a essas manobras macabras e irresponsáveis que nos fazem perder, diariamente, milhares de vidas humanas para a Covid-19 através de calculado genocídio. Isto posto, nós infra-assinados, NOS JUNTAMOS A TODOS OS PEDIDOS DE IMPEACHMENT agora em tramitação no Congresso Nacional. Na certeza de que a representação legislativa cumpra a vontade popular”, conclui o texto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot