Últimas Notícias

Post Top Ad

Your Ad Spot

terça-feira, 6 de julho de 2021

Lula defende aliança política para 'recuperar o país' e cita Centrão

 Terça, 06 de Julho de 2021

Lula defende aliança política para 'recuperar o país' e cita Centrão
Foto: Reprodução / YouTube / Salvador FM

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que não trata o Centrão como um único partido político e defende aliança em 2022 para "recuperar o Brasil". Ele é entrevistado pelo programa Ligação Direta, da Salvador FM 92,3, rádio parceira do Bahia Notícias, nesta terça-feira (6).

 

"Não trato o Centrão como se fosse partido político. Agora foi constituído para garantir manutenção do governo Bolsonaro e evitar impeachment e aprovar o desmonte do estado que o Guedes está fazendo. Ali [no Centrão] tem mais de 30 partidos e quando chegar 2022 cada partido vai pensar na sua realidade, em seu estado e necessidades. Aí a gente vai poder conversar com cada partido", disse Lula, que ainda não crava sua pré-candidatura para a presidência no ano que vem.

 

O ex-presidente também citou a presença de pessoas que foram a favor do impeachment de Dilma, em 2016, no chamado grupo Centrão. Para ele, a vida precisa seguir.

 

"A gente tem que construir o país daqui para frente, essas pessoas cometeram um erro e se querem consertar agora, é bom para o Brasil. Não entendo esse ódio que existe no Brasil. Agora as pessoas brigam por conta de um molde estabelecido que vem desde a eleição do Bolsonaro, aliás, do Aécio Neves. Temos que conversar com todos os partidos políticos", acrescentou.

 

Lula finalizou citando as seguidas gestões do PT na Bahia, como modelo a ser seguido para 2022. "A Bahia é um exemplo da construção de aliança política e nós sabemos os grandes benefícios que foram feitos para o estado durante 16 anos. Como construir uma aliança política para recuperar o Brasil", finaliza Lula.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot