Últimas Notícias

Post Top Ad

Your Ad Spot

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Agência do Bradesco é destruída durante assalto em Nazaré das Farinhas

Agência do Bradesco é destruída durante assalto em Nazaré das Farinhas

Foto: Marcus Augusto/ Voz da Bahia
A agência do Bradesco da cidade de Nazaré das Farinhas ficou parcialmente destruída em uma tentativa de assalto na madrugada desta segunda-feira (3). De acordo com o Comandante do 14º BPM, tenente Coronel Luziel Andrade, os acusados explodiram um caixa eletrônico, mas não conseguiram levar dinheiro. Os assaltantes estavam fortemente armados e possuíam muitos explosivos. Ninguém ficou ferido na ação. Informações do Voz da Bahia.


Serra Leoa registra mais um médico com ebola
Foto: Reprodução / BBC
Mais um médico foi diagnosticado por ebola em Serra Leoa, no oeste africano. Segundo o chefe do serviço médico nacional, Brima Kargbo, é o quinto médico do país a se infectar com o vírus. Todos os outros quatro profissionais faleceram vítima do vírus. O médico diagnosticado é George Godfrey, superintendente médico do hospital do governo em Kambia, no norte do país. Godfrey foi levado para a capital, Freetown, depois de se sentir mal. Trabalhadores de saúde são os mais vulneráveis da ação. Até o momento, 523 profissionais de saúde contraíram a doença. Cerca da metade deles faleceu. Informações da Folhapress.

   
Segunda, 03 de Novembro de 2014 - 11:10

Afta acomete 13% dos baianos; saiba como prevenir feridas

Afta acomete 13% dos baianos; saiba como prevenir feridas
Foto: Reprodução
A afta, que aparece em pequenas feridas na boca, acomete em torno de 25% da população mundial. Na Bahia, a estimativa é que 13% da população (por baixo) tenham o problema. Clique aqui e saiba como prevenir o problema na Coluna Saúde. 


'A presidente terá que dialogar muito no segundo mandato', diz Lúcio Vieira Lima
Foto: Bruna Castelo Branco/ Bahia Notícias
O deputado federal mais votado da Bahia, Lúcio Vieira Lima (PDMB), admite que o fato de que ser irmão do presidente estadual da sigla, Geddel Vieira Lima, facilitou seu trabalho na Câmara Federal. “Hoje eu tenho um espaço próprio que eu conquistei, o reconhecimento próprio, mas logicamente sou grato ao fato de ser irmão de Geddel ter aberto as portas para facilitar minha jornada”, reconhece. Um dos parlamentares que votou contra a proposta da Presidência de ampliação da participação dos conselhos populares, Lúcio nega que o PMDB tenha derrubado sozinha a matéria na Casa. “Até porque não foi o PMDB o responsável pela derrubada do decreto. Foi praticamente toda a base da presidente Dilma [Rousseff] que se manifestou contrária”, defende. "A presidente terá que, efetivamente, no seu segundo mandato, dialogar muito", complementaO deputado também disse que o partido, que faz parte da base do Planalto, não tem que se definir ideologicamente. “Eu acredito que, no país, a identidade não é de esquerda ou direita, a identidade é de governo ou oposição”, descartou. Ele também avalia que, por ser situação, a legenda não será capaz de lançar um candidato a presidente em 2018. Confira a íntegra da entrevista.

   
Cineastas baianos participam de novo programa de Jean Wyllys no Canal Brasil
A primeira temporada do programa “Cinema em Outras Cores”, que já causou polêmica nas redes sociais e é apresentado por Jean Wyllys no Canal Brasil, contará com a participação de dois cineastas baianos. Edson Bastos, diretor do curta-metragem “Joelma” e Paula Lice, que dirigiu e atuou em “Jessy”, foram alguns dos entrevistados da atração, que estreia no dia 13 de novembro e propõe uma reflexão sobre temas como diversidade sexual e drogas, a partir da produção cinematográfica. Confira mais informações na coluna Cultura.


Mercado financeiro reduz previsão de crescimento do PIB mais uma vez
Foto: Reprodução
O mercado financeiro voltou a ter previsão de crescimento da economia reduzido de 0,27% para 0,24%, de acordo com o boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (3) pelo Banco Central (BC). Já a estimativa de inflação foi mantida em 6,45% pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), mesmo com o aumento da taxa básica de juros (Selic) para 11,25% pelo Comitê de Política Monetária (Copom) com o objetivo de controlar a inflação. Apesar da elevação na taxa Selic, o Focus manteve a previsão de que ela encerrará em 11%. Para o fim de 2015, contudo, a projeção da taxa básica foi elevada de 11,5% para 12%.

Planalto tenta emplacar aliado no TCU para relatar Pasadena

por Fábio Fabrini | Estadão Conteúdo
Planalto tenta emplacar aliado no TCU para relatar Pasadena
Fotos: Agência Brasil
O Palácio do Planalto trabalha para emplacar um aliado na vaga do ministro do Tribunal de Contas da União José Jorge, que se aposenta no próximo dia 18, ao completar 70 anos. A indicação de um substituto de perfil amigável é considerada estratégica pelo governo, pois o novo ocupante da cadeira herdará a relatoria dos processos de investigação da Petrobras, entre eles o que avalia prejuízos na compra da refinaria de Pasadena (EUA). A apuração sobre Pasadena tem potencial para causar mais danos políticos à presidente Dilma Rousseff - que presidia o Conselho de Administração da Petrobras na época da aquisição, iniciada em 2006. Egresso da oposição no Senado, José Jorge tomou posse no TCU em 2009 e é considerado pelos aliados de Dilma um ministro rigoroso ao julgar casos delicados para o governo. Como relator, foi dele o voto - seguido pela maioria do plenário - pelo bloqueio dos bens de 11 executivos da Petrobras por dano ao erário de US$ 792 milhões na compra de Pasadena. A tomada de contas especial sobre o caso, ainda em curso, poderá implicar no futuro conselheiros de administração da estatal que deram aval ao negócio, entre eles a presidente. Inicialmente, a corte os excluiu da lista de responsáveis. O TCU é composto por nove ministros: 3 indicados pela Câmara, 3 pelo Senado e 3 pelo presidente da República. O substituto de José Jorge tem de ser indicado pelo Senado, pelo critério constitucional. Não há exigência de que o aprovado seja político, mas, tradicionalmente, os escolhidos são senadores, ex-senadores ou servidores apadrinhados pelas maiores bancadas da Casa. Os partidos aliados ainda não discutiram a questão oficialmente, mas já lançam alguns nomes nos bastidores. Segundo fontes do governo, o Planalto é simpático à indicação da ex-senadora e atual ministra da Secretaria dos Direitos Humanos, Ideli Salvatti (PT-SC). Ela já era cotada para ocupar a vaga de Valmir Campelo, que deixou a corte em abril, mas o escolhido foi o ex-consultor legislativo do Senado e ex-integrante do Conselho Nacional de Justiça Bruno Dantas, que teve aval do PMDB. Ideli enfrenta resistência nas principais legendas, principalmente por causa do desgaste no papel de negociadora do governo quando ministra das Relações Institucionais. Outra opção é a senadora e ex-ministra da Casa Civil Gleisi Hoffmann (PT-PR), que perdeu a eleição para o governo do Paraná e voltou ao Congresso. Na Casa Civil ela tratou de alguns dos principais interesses do governo no TCU, como a aprovação de concessões. Gleisi, porém, foi vinculada recentemente ao escândalo na Petrobras, o que dificulta sua indicação. Maior aliado do PT, o PMDB diz que só discutirá o assunto após a aposentadoria de José Jorge. Líderes do partido prometem não ceder facilmente ao PT e cogitam negociar a vaga de forma casada, com a cadeira a ser ocupada no Supremo Tribunal Federal após a aposentadoria de Joaquim Barbosa. Um dos nomes sugeridos para o TCU é o do senador Vital do Rêgo (PB), que preside as duas CPIs da Petrobras e é um dos peemedebistas mais alinhados com o Planalto no Congresso. Ele é cotado ainda para ser o próximo líder do governo. Os três cotados, procurados pelo Estado, disseram não ter discutido o assunto com governo e partidos. Na base do governo, também é citado, embora com menos chances, o senador Inácio Arruda (PC do B-CE).


Jovem mata ex-namorada e morre em acidente de carro
O casal morto após suposto crime passional | Foto: Reprodução
Inconformado com o fim do namoro, um jovem de 19 matou sua ex-namorada no bairro de Pernambués neste sábado (1º) e morreu logo depois em um acidente de carro. Ambos namoravam desde 2008 quando Rodrigo Costa Magalhães tinha 13 anos e Gabriella de Jesus Santos tinha 11. Ele chegou no pátio de um prédio às 13h30 e esfaqueou a ex-namorada 29 vezes. Gabriella foi atingida no peito e no abdome. De acordo com o Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), marcas nas costas, no pescoço, nos braços e nas mãos também foram vistas no corpo da vítima, que aconteceu enquanto ela tentou se defender. Ao tentar fugir com o carro da empresa do pai, uma Chevrolet Montana, placa JRW-4690, o jovem furou um bloqueio policial e, entre Praia do Forte e Imbassaí, bateu em outros dois carros: uma Renault Sandero e uma Ford Ranger. Uma das irmãs de Gabriella e um vizinho foram intimados a depor na DHPP. Imagens das câmeras de segurança no local do crime também foram solicitadas pela polícia. Familiares de Gabriella disseram que o jovem tinha muito ciúmes da ex-namorada. 


Obras do metrô interrompem abastecimento de água em 40 bairros de Salvador nesta segunda
O abastecimento de água foi interrompido em parte da cidade, nesta segunda-feira (3), pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), para possibilitar a continuidade das obras do metrô de Salvador. A companhia precisará mudar o trecho de uma adutora, na altura da localidade de Bom Juá. No local, será implantado um pilar de sustentação da nova linha do sistema metroviário. O fornecimento foi interrompido, desde as 5h, nas seguintes regiões: Ribeira, parte do Bonfim, Caminho de Areia, Massaranduba, Boa Viagem, parte do Lobato, Roma, Jardim Cruzeiro, Calçada, Mares, Baixa do Fiscal, Mata Escura, Calabetão, Capelinha, Boa Vista de São Caetano, São Caetano, Fazenda Grande, Bairro Guarany, Curuzu, IAPI, Pero Vaz, parte da Liberdade, Largo do Tanque, Alto do Pará, parte de Santa Mônica, Largo do Retiro, San Martin, Baixa do Santo Antônio, parte da Barros Reis, Jardim Brasília, Engomadeira, Arraial do Retiro, Cabula, Pernambués, Narandiba, Saboeiro, Tancredo Neves, Novo Horizonte, Sussuarana Nova e Sussuarana Velha. O serviço deve ser concluído até as 20h do mesmo dia, quando o abastecimento começará a ser retomado de forma gradativa. Segundo a Embasa, a interrupção não afetará os imóveis que contam com reserva adequada para satisfazer as necessidades diárias de consumo de seus moradores.


Morre americana com câncer terminal que fez suicídio assistido
Foto: Reprodução
Conhecida por anunciar o seu suicídio assistido, a americana que sofria câncer terminal contrariou o último recado aos amigos e resolveu por fim em sua vida neste sábado (1º). Brittany Maynard, 29, anunciou em vídeo que sua vida acabaria no dia 1º de novembro para não sofrer estragos do seu tumor cerebral, tornando-se, assim, manchete nos jornais internacionais. Na última terça-feira (28), contudo, ela avisou que ainda estava suficientemente bem e que não havia chegado o momento adequado. A psicóloga começou a ter enxaquecas fortes no final de 2013, logo após se casar com o também americano Dan Diaz. Em janeiro deste ano ela soube do diagnóstico de um dos tipos mais graves de tumor cerebral maligno, chamado glioblastoma. Após ser submetidas a duas cirurgias, que lhe renderam um prognóstico de 10 anos de vida, os médicos constaram a volta mais agressiva da doença e deu somente 6 meses à americana. Maynard e seu marido decidiram se mudar da Califórnia para Oregon, um dos poucos estados que permitem a eutanásia.


Operadoras já devem R$ 925 milhões em multas à ANS
As operadoras de planos de saúde brasileiras acumulam dívida de cerca de R$ 925 milhões com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) por multas recebidas em negativas de cobertura ou outras irregularidades praticadas contra clientes nos últimos cinco anos. De acordo com dados obtidos com exclusividade pelo jornal O Estado de S.Paulo, entre 2009 e 2013 foram aplicadas 8.335 autuações contra as empresas, em um total de R$ 1,09 bilhão em penalidades. Desse montante, porém, foram pagos aproximadamente R$ 167 milhões, correspondentes a 2.125 multas. Os números incluem somente as autuações já transitadas em julgado, ou seja, as penalidades que foram mantidas mesmo após as empresas entrarem com recurso e defesa durante o processo administrativo. Nos casos de não pagamento, a ANS se vê obrigada a entrar na Justiça para pedir a execução da dívida, o que pode demorar anos. De acordo com a agência, após o débito da operadora ser inscrito na dívida ativa, a Procuradoria emite uma certidão e propõe uma ação de execução fiscal contra a empresa, que pode ter seus bens penhorados para pagamento do débito. A operadora também é incluída no Cadin (cadastro de devedores do governo federal), o que impossibilita que ela faça contratos com o poder público. Atualmente, dois terços do total de débitos das operadoras constam da dívida ativa. São mais de R$ 614 milhões incluídos no cadastro entre os anos de 2009 e 2013. O baixo porcentual de execução e pagamento das multas dos últimos anos fez a ANS contratar, em novembro de 2013, 187 servidores para seu departamento de fiscalização. "Esses funcionários estão trabalhando também no passivo dos processos, acelerando os procedimentos, tanto é que já batemos o recorde de arrecadação com multas em 2014", conta o diretor-presidente da ANS, André Longo. De janeiro até agora, a agência conseguiu receber R$ 113,5 milhões em débitos, mas, pelos dados informados, não é possível saber quanto desse montante faz parte de dívidas dos anos anteriores e quanto é referente a processos do ano vigente. O endurecimento na aplicação e execução das multas é uma das estratégias da ANS para pressionar as operadoras a oferecer o serviço contratado pelo cliente. A multa é aplicada quando uma reclamação levada pelo consumidor à agência não é solucionada pela operadora no prazo de cinco dias úteis dado pelo órgão. "Em um caso de negativa de cobertura, a multa vai de R$ 80 mil a R$ 100 mil por ocorrência", exemplifica o diretor-presidente da ANS. Ele, afirma, porém, que o instrumento mais eficaz contra as negativas de cobertura praticadas indevidamente pelas operadoras continua a ser a suspensão da comercialização de planos, iniciada há dois anos e praticada trimestralmente. "A multa é um instrumento importante, mas resolve pouco para o consumidor, o resultado é tardio. O que tem mais efeito é a mediação de conflitos feita pela ANS, de exigir que a operadora resolva o problema apresentado pelo cliente. O critério para definição de quais planos são suspensos é exatamente o índice de resolução das reclamações", diz ele. 


Dilma deixa Base Naval de Aratu e retorna a Brasília
Foto: Reprodução/ TV Globo
Após três dias de descanso na praia de Inema, na Base Naval de Aratu, a presidente reeleita Dilma Rousseff retornou neste domingo (2) a Brasília. Ela aterrissou de helicóptero ao Palácio da Alvorada no final da tarde. Dilma chegou à Bahia na última quinta-feira (29), acompanhada da filha, a advogada Paula Araújo, e do neto de quatro anos. De acordo com a assessoria de imprensa da Presidência, a presidente não tem agenda oficial definida nesta segunda-feira (3).


OAB vai ao Supremo para que Estado indenize presos de cadeias superlotadas
A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) ajuizou uma ação direta de inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o Estado seja civilmente responsável pelos danos morais causados a detentos em presídios superlotados ou em más condições. A Ordem quer que o Supremo retire a interpretação do Código Civil que impede o direito a indenização por danos morais a detentos mantidos em presídios de condições insalubres, degradantes ou de superlotação. De acordo com a OAB, após inúmeras decisões em sentido divergente, prevaleceu no Superior Tribunal de Justiça o entendimento de que não se pode obrigar o Estado a pagar indenização a detento mantido em condições indignas, pois isto ensejaria a retirada de recursos para melhoria do sistema, o que agravaria ainda mais a situação dos próprios presos. A Ordem sustenta que o Código deve ser interpretado conforme estabelece a Constituição Federal.  “O argumento para se promover a exclusão [da indenização] é o de que, ao invés de indenizar os presos submetidos a condições desumanas, o melhor seria aplicar os recursos públicos na melhoria dos presídios. Na verdade, porém, nem os presos são indenizados nem os presídios construídos. A responsabilização civil do Estado será um importante estímulo para que os governantes atuem no sentido de prover, nas prisões, condições adequadas a seres humanos”, afirma a OAB. A Ordem ainda esclarece que a decisão da ação não representa usurpação da competência dos juízes e tribunais na interpretação na norma em casos concretos. “A proposta é fixar, de modo abstrato, que a indenização é devida. Caberá, porém, ao juiz, examinando os elementos próprios do caso concreto, estabelecer se ocorreu violação aos direitos fundamentais do detento para fins de responsabilização civil do Estado, bem como promover a respectiva fixação da pena”, explicou. A relatora da ação é a ministra Rosa Weber, que já determinou a aplicação do rito abreviado para que a ação seja julgada pelo plenário diretamente no mérito, sem análise de pedido liminar.

Postos de saúde vacinarão gestantes contra difteria, tétano e coqueluche
Foto: Reprodução
Os postos de saúde da rede municipal passarão a oferecer a vacina tríplice acelular contra difteria, tétano e coqueluche (DTPa), gratuitamente, para gestantes. A difteria e a coqueluche são doenças contagiosas, que podem ser transmitidas através do contato com pessoas doentes. Já o tétano é transmitido através de cortes em objetos contaminados. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a partir do dia 15 serão imunizados os profissionais de saúde que atuam em maternidades ou em unidades de terapia intensiva neonatais. Segundo Doiane Lemos, chefe do Setor de Imunização da prefeitura, atualmente, a vacina é oferecida somente para crianças. “Devido ao aumento dos casos de coqueluche, em todo o país, em crianças que ainda não completaram o esquema vacinal, o Ministério da Saúde entendeu a necessidade de imunizar as grávidas, para que a imunidade seja transferida para o bebê por meio da placenta e amamentação”, afirmou.  A difteria e o tétano são doenças provocadas por bactérias e podem levar a óbito.


Cristina Kirchner é internada por conta de quadro febril infeccioso
Foto: Reprodução
A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, teve que ser hospitalizada neste domingo (2) por conta de um quadro “febril infeccioso”. Com 61 anos, Kirchner foi internada no Sanatorio Otamendi, em Buenos Aires, e submetida a exames e tratamento. O hospital enviou um boletim médico à imprensa, mas não deu mais detalhes sobre a saúde da presidente. Em meados de outubro, Cristina passou dias em repouso por conta de uma faringite. Há um ano ela foi submetida a uma cirurgia por causa de um hematoma cerebral. As informações são da Reuters. 


Queixas contra os planos de saúde quintuplicam

por Fabiana Cambricoli | Estadão Conteúdo
Queixas contra os planos de saúde quintuplicam
O número de negativas de atendimento por planos de saúde comunicadas à Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) quintuplicou nos últimos quatro anos, segundo dados obtidos pelo jornal O Estado de S.Paulo, por meio da Lei de Acesso à Informação. No ano passado, o órgão recebeu a notificação de mais de 72 mil casos de clientes de convênios médicos (média de 8 casos por hora) que não conseguiram aval para procedimentos. Em 2010, o número de negativas comunicadas à ANS foi de pouco mais de 13 mil. A alta no período foi de 440%. Uma das recusas registradas em 2013 foi a do corretor de seguros Sandro Bove, de 44 anos. Após mais de duas décadas tentando emagrecer com dietas e medicamentos, ele decidiu, em outubro do ano passado, que era hora de fazer a cirurgia bariátrica. Na ocasião, o paciente já havia ultrapassado os 120 quilos e desenvolvido hipertensão, apneia do sono e dores nas articulações. O que Bove não esperava é que sua maior tensão não seria por causa do processo complexo da cirurgia, mas, sim, pela recusa do plano de saúde em custear a operação. "Sou cliente desde 1995 e pago R$ 1.000 por mês. Quando realmente precisei, eles parecem nem ter olhado o pedido médico, já bateram o carimbo de negado", diz ele, cliente da SulAmérica. Para André Longo, diretor-presidente da ANS, duas questões ajudam a explicar o crescimento de negativas por parte dos planos. "Por um lado, o cidadão está buscando mais os seus direitos e reclamando mais para a agência. Hoje em dia já estamos recebendo mais queixas do que todos os Procons do País. Por outro lado, o número de beneficiários de planos vem aumentando e algumas operadoras têm dificuldades de acompanhar essa demanda", diz ele, que também cita as regras criadas em 2011 pela agência que definiram prazos máximos para atendimento. "Mais de um terço das reclamações por negativas de cobertura se refere aos prazos descumpridos", relata Longo. Mesmo considerando o aumento no número de beneficiários no período analisado, as negativas também cresceram proporcionalmente. Em 2010, quando o País tinha 45,1 milhões de beneficiários de convênios médicos, a média foi de uma negativa para cada 3.365 clientes. Em 2013, quando o número de clientes de planos passou para 50,5 milhões de pessoas, a proporção de recusas de atendimento foi de uma para cada 697 beneficiários. "As pessoas estão conhecendo melhor os canais de reclamação, mas não se pode negar que as operadoras estão tentando diminuir o acesso aos tratamentos para reduzir custos", diz Carlos Thadeu de Oliveira, gerente técnico do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec). "As operadoras já orientam médicos a minimizarem a demanda por exames e outros procedimentos. Quando os profissionais não acatam isso, eles tentam negar a cobertura." No caso de Bove, a cirurgia bariátrica só foi autorizada após o paciente entrar com uma ação na Justiça. Para isso, porém, teve de gastar cerca de R$ 8 mil com advogados. Especialista em direito à saúde, a advogada Renata Vilhena Silva conta que o número de clientes que buscam o escritório tentando reverter na Justiça a negativa de cobertura cresce, em média, 30% ao ano. "Temos 80 novos processos por mês e o juiz dá parecer favorável ao paciente em 95% dos casos", diz. Para o gerente do Idec, a operadora só pode negar cobertura de um atendimento quando há desrespeito ao período de carência. "Mesmo quando um procedimento não estava previsto no contrato, o juiz pode entender que o cliente tem direito porque a cláusula do contrato era limitadora e abusiva, o que fere o Código de Defesa do Consumidor", diz Oliveira.


Colunista detona Alinne Rosa e revela que cantora ‘plantou’ affair com o jogador Sheik
Não é novidade que a cantora Alinne Rosa sempre foi chegada em um holofote. Desde a época da Banda Cheiro, a artista aparecia muito na mídia, quase sempre com notícias relacionadas aos seus namorados ou ficantes. Dessa vez não foi diferente, mas uma colunista de renome nacional decidiu detonar a artista e afirmou que ela ‘plantou’ na imprensa o suposto envolvimento com o jogador Emerson Sheik. Confira os detalhes na Coluna Holofote!


Votações da Assembleia devem acontecer na terça; LOBs de PM e bombeiros são prioridade
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
Com o término do período eleitoral, as atividades da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) devem voltar à normalidade nesta terça-feira (4), com a votação das Leis de Organização Básica (LOB) da Polícia Militar (PM) e do Corpo de Bombeiros sendo prioridade. “Nós só não votamos na terça-feira passada porque tivemos dificuldade em melhorar a relação de transparência com a oposição”, afirmou Zé Neto (PT), líder do governo na Casa. Carlos Gaban (DEM), vice-líder da oposição, confirma que a intenção era que a votação ocorresse logo após o resultado do segundo turno. “Devemos votar a PM e o Corpo de Bombeiros e vamos fazer um cronograma. Ele [Zé Neto] está pensando em um consenso. Confesso que como o governo do PT ganhou a eleição nós vamos deixar uns projetos passar. Não adianta a gente radicalizar muito”, disse Gaban. Dentre essas “concessões” da oposição, se encontram os projetos do Tribunal de Contas do Estado (“Eles querem uma porrada de cargos novos e aumentar a folha de pagamento, se o governo acha que deve, é responsabilidade deles”, ironiza o deputado), o do Ministério Público Federal e o Plano de Cultura. “Não temos nada contra, mas por serem projetos do governo, não tem como consertar nada, o governo é deles”, distancia-se Gaban. Ironicamente, o próprio líder da oposição na AL-BA, Elmar Nascimento (DEM), declarou desconhecer a articulação de sua bancada com o governo. “Quem estipula a pauta é o líder do governo, que até agora não veio com nenhuma proposta”, afirmou Elmar.


‘Não tenho notícia da conclusão do inquérito’, confessa secretário após incêndio no CAB
Foto: Leitor Bahia Notícias
Cerca de dois meses depois do incêndio no prédio que abrigava as secretarias de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap) e de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH), o inquérito que determinará a causa da origem do fogo ainda não foi concluído. Pelo menos de acordo com Nestor Duarte, titular da Seap. “Não tenho notícia da conclusão do inquérito ainda, mas o que descobriram à época foi que um ar condicionado, antigo e que seria substituído na reforma do prédio, que deu defeito”, declarou o secretário. As chamas tiveram origem no térreo do prédio e chegaram até o primeiro andar antes de serem controladas. De acordo com ele, já foram tomadas as providências para dar entrada nas ações que tem que ser feitas e estão aguardando o laudo. “Já lavamos tudo e o seguro vai pagar R$ 4,2 milhões”, declarou Duarte.
Nestor  Duarte / Foto: Reprodução

O gestor garante que nada da Seap foi prejudicado pelas chamas, porque eles tinham cópia de todos os arquivos. “Ficamos apenas dois dias sem usar a secretaria. Nós organizamos um mutirão com os funcionários, mesmo sem luz e sem água”, orgulha-se. A assessoria de imprensa da SJCDH informou que a secretaria teve que mudar de endereço por conta das perdas do incêndio. O térreo e o primeiro andar ainda não foram liberados pela Superintendência de Construções Administrativas da Bahia (Sucab). Isso acontecerá apenas após o fim da reforma. Assim como com a Seap, a secretaria de Justiça também não teve perda de documentação ou prejuízo significativo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Your Ad Spot